fbpx
Notícias

Veneza proíbe uso de malas com rodas

A cidade de Veneza está constantemente a surpreender, principalmente os passageiros de cruzeiros, com as suas novas políticas e regras. Desta vez, foi decretada a lei que proíbe o uso de malas com rodas, com o principal objectivo de diminuir a poluição sonora, causada pelo arrastar dessas mesmas malas, muito comum nos turistas.

Segundo a lei apresentada recentemente, quem não cumprir a mesma, será multado em 500 euros. Esta nova lei tem como principal objectivo eliminar ao máximo o ruído que os grupos de turistas fazem quando andam pela cidade, arrastando as suas malas, atrapalhando assim o silêncio dos moradores. Apenas serão permitidas as rodas infláveis, que não fazem o mesmo barulho. Por curioso, os residentes da cidade não estão abrangidos por esta lei, podendo usar estas malas, desde que comprovem a sua residência.

A cidade de Veneza recebe, em média, 20 milhões de turistas por ano, muitos deles oriundos dos navios de cruzeiro, havendo por isso a necessidade de adaptar novas regras e leis, algumas mais curiosas que outras, como é o caso da proibição de pendurar cadeados nas pontes, uma tradição bastante antiga, assim como a regulamentação do tráfego de gôndolas pelos canais locais.

No que diz respeito aos cruzeiros, a proibição da entrada de navios de grande dimensão na baía de Veneza, tem vindo a ser bastante discutida, pelas complicações que podem trazer às companhias.

Leia também  Porto de Miami bateu o recorde de passageiros em 2023 (mais de 7 milhões)
Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!