fbpx
Notícias

Temporada de cruzeiros no Brasil terá metade dos navios

A próxima temporada no Brasil, de Novembro a Abril, terá metade dos navios que geralmente tem, contando apenas com 10 navios no seu litoral. Na temporada de verão 2010/2011, foi registado o dobro desse número, sendo que o principal factor a condicionar este facto é o custo de operações nesta região, com menores margens de lucro, levando assim a que as companhias optem por outras regiões com maior rentabilidade, como a Ásia e Médio Oriente. 

Esta decisão em nada tem ligação com a procura por parte dos passageiros, já que esta existe e de uma forma regular, contudo operar cruzeiros nesta região tem um custo de 50% a 100% superior a outros destinos na Europa, por exemplo, fazendo assim com que a necessidade das companhias seja superior à vontade dos turistas. Apesar de tudo isto, existem companhias a optar pelos mini-cruzeiros, pois são os mais viáveis e com maior diferença de custos e lucro, com viagens de menor dimensão e a um preço mais acessível, ampliando assim a estimativa de passageiros para esta temporada e o número de vagas disponíveis para os mesmos itinerários. 

Nesta temporada, quarto companhias, nomeadamente Costa Cruzeiros, MSC Cruzeiros, Pullmantur e Royal Caribbean, vão oferecer 239 cruzeiros, em 10 navios diferentes, acolhendo assim um total superior a 640 mil vagas disponíveis. Infelizmente, ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, o Campeonato do Mundo veio atrapalhar o turismo brasileiro, com pessoas a adiar as suas férias e o movimento de cruzeiros a diminuir, fazendo assim com que seja necessário alterar o tipo de oferta para tentar subir a receita na próxima temporada. 

Leia também  Hilariantes! As piadas de 1 de Abril das companhias (e não só)
Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!