Royal Caribbean

Royal Caribbean pondera testar os seus passageiros à Covid-19 antes do embarque

Allure of the Seas vai voltar a Barcelona | Foto: Royal Caribbean

Fazer um teste à COVID-19 antes de embarcar num navio da Royal Caribbean poderá ser uma das muitas etapas que a companhia pondera para manter os seus passageiros seguros quando os cruzeiros retomarem as operações.

Numa conferência do Royal Caribbean Group com investidores, o tema de um teste à Covid-19 a todos os passageiros foi debatido e questionado se a Royal Caribbean seguiria algumas das companhias europeias na adoção da medida.

O CEO da Royal Caribbean International, Michael Bayley, respondeu que é “muito provável” que o testa seja efetuado a todos os passageiros antes do embarque nos seus navios.

O Healthy Sail Panel, um painel de especialistas em saúde, está atualmente a trabalhar numa abordagem às muitas preocupações dos passageiros quando os cruzeiros retomarem, e as suas conclusões iniciais são esperadas para o final de Agosto.

Bailey disse que, embora as recomendações do painel ainda não estejam disponíveis, muito provavelmente os testes farão parte delas.

O teste à Covid-19 é parte do pensamento de que ainda não alcançamos um ponto nos nossos protocolos em que estamos prontos para publicar e lançar para discussão“, continuou Bailey, “mas é muito provável que o teste seja incluído.”

Michael Bayley também observou que, além da indústria dos cruzeiros, vários países em todo o mundo estão usar os testes como requisito para entrar, como acontece nas Caraíbas.

Ainda não há nenhuma decisão sobre se os passageiros e tripulação sejam todos testados, mas isso provavelmente fará parte das recomendações do Healthy Sail Panel quando forem publicadas. Quando os navios começarem a fazer alguns itinerários na Europa, será um bom teste para toda a indústria.

Leia também  Royal Caribbean Group vende a companhia Azamara Cruises a empresa de investimentos

Estamos muito comprometidos no que está a acontecer e estamos a receber muito feedback. O que estamos a viver é uma grande experiência e aprendizagem para a indústria dos cruzeiros em relação aos novos protocolos. Certamente os testes parecem ser muito relevantes e as discussões estão em aberto.“, finalizou Michael Bayley.

Add Comment

Click here to post a comment

Leave a Reply