fbpx
Notícias Pullmantur

Pullmantur "deixa" 200 portugueses em terra

Mais de 200 passageiros portugueses ficaram “em terra” esta sexta-feira, em Lisboa, devido a uma avaria num dos motores do Pacific Dream, da companhia Pullmantur, que deveria sair para um itinerário de 7 noites pelo Atlântico.

A imprensa espanhola adianta que o navio, de 208 metros de comprimento e que pode transportar até 1.828 passageiros e 620 tripulantes, teve uma avaria num dos motores, pelo que teve que seguir para outro porto para ser reparado.

De acordo com a Rádio Renascença, que cita o director da Pullmantur em Portugal, Carlos Guarita, a avaria foi detectada na manhã de sexta-feira, quando o navio regressava a Lisboa com cerca de 700 passageiros que tinham começado o “Jóias do Atlântico” uma semana antes. A bordo estavam outros cerca de 1.100 passageiros que embarcaram no domingo em Málaga.

A notícia dizia ainda que a Pullmantur iam propor viagens alternativas ou o reembolso e referia que cada passageiros pagou “um mínimo de 850 euros” pela viagem que, de acordo com o calendário divulgado pela Pullmantur, chegaria sábado às 14h00 a Gibraltar, de onde sairia às 22h00 para Málaga e, depois, Casablanca, Agadir, Lanzarote, e, finalmente, de novo a Lisboa.

Uma notícia publicada ontem pelo “Diário de Notícias”, com declarações de passageiros à agência Lusa, diz que há um grupo de portugueses que aceitou a alternativa de uma semana num hotel de 5-estrelas de Tenerife e que se sente “enganado” porque, dizem a unidade hoteleira não corresponde ao que lhes foi dito.

A notícia cita um desses passageiros, que diz estar com um grupo de 30 pessoas, entre elas crianças, que segundo relata demoraram 13 horas para chegar ao hotel que não era na zona Sul de Tenerife como lhes tinha sido indicado, mas na Norte. De acordo com a mesma notícia, esse passageiro diz ter uma carta que mostra que a solução proposta era uma semana no Bahia Príncipe em tudo incluído. Também é referido que a Pullmantur delegou no operador Soltour, que terá afirmado não ter responsabilidades com o que se estava a passar.

Leia também  Porto de Lisboa marca presença na maior feira internacional de cruzeiros

A imprensa espanhola, que cita a Autoridade Portuária de Málaga (Malagaport), noticiou que o navio atracou em Gibraltar cerca das 9h20 de hoje procedente de Gibraltar.

A mesma notícia diz que o cancelamento afectou 1.097 passageiros que previam embarcar hoje em Málaga, a quem a Pullmantur propôs fazer o cruzeiro “Escapadas del Atlántico” no Empress, entre 24 de Setembro e 21 de Novembro” com o adicional de um crédito de 200 euros para despesas a bordo, uma semana de férias num hotel de 5-estrelas em Tenerife com regime tudo incluído ou o reembolso.

A mesma notícia diz ainda que a Pullmantur garantiu alojamento e os regressos a casa dos passageiros que não foram contactados com antecedência e divulgou um comunicado em “lamenta este facto isolado e totalmente alheio à sua vontade”.

O comunicado também salienta que “toda a frota da companhia cumpre com os standards de qualidade e requisitos necessários para a realização deste tipo de percursos em alto mar”.
Algumas notícias da imprensa espanhola dizem que o navio seguiu para Marselha para ser reparado, enquanto outras indicam que a reparação será em Gibraltar.

Uma das notícias publica queixas de passageiros que reclamam de falta de explicações por parte da Pullmantur. “Ninguém nos vai pagar nem a viagem até aqui nem os dias de descanso que vamos perder”, disse um desses passageiros que indicou ter viajado de Madrid para Málaga, embora também tenha reconhecido ter sido avisado na véspera de que o cruzeiro não se iria realizar.

À partida de Málaga o “Jóias do Atlântico” segue para Casablanca, Agadir Lanzarote e Lisboa.

Fonte: PressTur

3 Comments

Click here to post a comment
  • Parece que esta companhia é uma autentica palhaçada. Depois deste cruzeiro tambem o que teria início em 27/8 foi cancelado depois de termos sido avisado que ele seria realizado do navio Atlantico Star e de termos recebido a respectiva docomentação com alteração dos camarotes. A menos de 48 horas da partida e já com bilhetes de comboio comprados, com a despeza da aquisição de passaportes a viagem foi hoje caceçada e foi proposto uma viagem num outro cruzeiro a sair de Barcelona com viagens até lá ás nossas custas e espante-se esse cruzeiro será raelizado em abril de 2011. Acreditem não é anedota, quanto a mim vou avançar com pedido de idminização, estes senhores brincam com a vida das pessoas tem que haver quem lhe faça frente e eu vou fazer.

  • Recebi agora ( 19hoo — dia 6 de setembro) a informação que o navio Atalntic Star está parado em Casa Blanca avariado, sem os passageiros terem muita informação. Este navio é da Pullmantur Cruises e mais uma vez os passageiros vão sair lesados.

  • Concordo integralmente com o comentário de João Neto. Eu e mais 5 familiares vimos o nosso cruzeiro de 17/9/2010 cancelado, após algumas peripécias que não abonam em nada a Pullmantur nem a agência on-line Logitravel. E mais, vemo-nos impossibilitados de reorganizar o período de férias, porquanto céleres no pedido de pagamento evidenciam enorme parcimónia na sua devolução.Sugiro que nos juntemos para a obtenção do patrocínio jurídico de um bom causídico; afinal, não há dinheiro; mas há barcos, nem que seja ao preço da sucata.

Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!