fbpx
Notícias Royal Caribbean

Problemas de propulsão forçam Adventure of the Seas a alterar itinerário

O navio da Royal Caribbean, Adventure of the Seas, está com problemas de propulsão, depois de uma perda de óleo da própria unidade de propulsão, levando assim à necessidade de alterar o itinerário previsto, cancelando dois portos de escala. O navio encontra-se actualmente a realizar um cruzeiros de 7 noites de duração, de ida e volta ao porto de San Juan, Porto Rico.

A companhia já tinha anunciado que o navio iria entrar em doca seca no próximo dia 30 de Março, na próxima semana, para reparos e actualizações necessárias, sendo que este será um dos problemas a tratar. A companhia afirma que a próxima viagem marcada não deverá ser afectada com este problema de propulsão.

Segundo declarações da companhia, assim que o problema foi detectado foram colocadas barreiras próprias, em torno do navio, para controlar qualquer tipo de fuga de óleo que pudesse acontecer. Além disso, até que os reparos definitivos sejam feitos, na entrada do navio em doca seca, a unidade azipod afectada ficará sem qualquer tipo de utilização.

O navio ficou retido em St. Kitts enquanto os reparos iniciais estavam a ser feitos e cancelou as escalas previstas em Aruba e Curação, sendo que neste momento irá apenas fazer escala nos portos de Antigua, St. Maarten e St. Croix, antes de regressar no próximo domingo a San Juan. Estas alterações de escalas foram necessárias devido à velocidade reduzida que o navio terá que se adaptar agora.

Leia também  MSC Foundation esteve na Monaco Ocean Week para falar da conservação dos oceanos

3 Comments

Click here to post a comment
  • HÁ QUANTO TEMPO NÃO VIA NAVIOS DE VIAGEM,,PRETENDO ESTE ANO IR A PORTUGAL DE NAVIO(,BRASIL PORTUGAL)NAVIO MUITO LINDO!!!!!!!!!

  • Infelizmente estava com minha esposa neste cruzeiro. O navio ficou praticamente a deriva, as informações eram superficiais, a embaixadora internacional ao ser perguntada sobre a situação ficava nervosa. O navio fedia. Um absurdo! Escolhemos este cruzeiro justamente por oferecer dois destinos que gostaríamos de conhecer: Aruba e Curaçao. A viagem ficou mais cara pois a saída era de San Juan. Já conhecíamos St Marteen onde ficamos sem previsão prévia por 2 dias. Não fomos a St Croix como diz a matéria acima. Regressamos a San Juan depois de St Marteen. Ficamos parados vária horas em mar aberto. Uma vergonha! Quando demonstrei minha insatisfação a bordo recebi de retorno da Embaixadora Internacional duas pérolas:
    ” Eu entendo sua decepção, mas a situação é melhor do que a do navio da Costa né?”, se referindo ao Costa Concórdia que afundou e matou passageiros.
    – “Fique tranquilo que a Royal Caribbean está estudando uma forma de compensação”. Como se U$150 fossem suficientes para ressarcir uma entrega diferente do produto comprado e os riscos que corremos a bordo.

Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!