Cruzeiros Premium Portuscale Cruises

Portuscale Cruises apresenta cruzeiros aos Açores no novo Funchal

Em plena navegação o Funchal estará de volta a Lisboa no próximo dia 20 de Setembro para um itinerário de 10 dias ao arquipélago dos Açores.

A Portuscale Cruises apresentou mais detalhes sobre esta viagem com escalas em Santa Maria, Ponta Delgada, Horta, Terceira e regresso a Lisboa no dia 29 de Setembro. É um regresso do Funchal a estas ilhas depois de inúmeras viagens no passado, sendo a melhor forma de visitar as principais atracções dos Açores.

Em Santa Maria o Funchal ficará ao largo, na baía de S. Lourenço, sendo possível visitar a ilha em excursão ou pelos próprios meios. Ainda no mesmo dia, segunda-feira, o navio partirá para Ponta Delgada, S. Miguel, para mais uma escala.

No dia seguinte poderá espreitar o Vale das Furnas onde poderá desfrutar da famosa gastronomia local e ainda optar pela excursão à Lagoa das Sete Cidades, o maior reservatório natural de água doce de superfície dos Açores. Na Horta, ilha do Faial, terá a oportunidade de conhecer o Vulcão dos Capelinhos, caracterizado pela sua singular beleza paisagística.

No último dia da estadia nos Açores poderá visitar a Praia da Victória, na ilha Terceira, podendo optar por outras excursões entre as quais um tour por Angra do Heroísmo.

Os últimos dois dias deste itinerário será passado a bordo enquanto o Funchal atravessa o Atlântico até Lisboa. Poderá usufruir de todas as comodidades e actividades do navio e estão previstas algumas surpresas para os convidados.

Este itinerário está a ser proposto com uma especial promoção de 40% para reservas até 10 de Setembro. Os preços começam nos 890€ para camarote interior e 1290€ para camarotes exteriores.

Para mais informações e reservas consulte www.portuscalecruises.pt.

Tags

1 Comment

Click here to post a comment

Leave a Reply

  • Tendo 54 anos e já ter viajado no Funchal para a Madeira aos 12 anos de idade, dá para ver os anos do navio. As viagens para os Açores no Funchal de hoje, em pleno oceano Atlântico, imagino o balanço, mesmo com estabilizadores que já se sabe, não se podem comparar aos dos grandes navios de cruzeiro. Deve ser enjoar toda a viagem! Sinceramente, não acredito na renovação deste velho navio, e viu-se os problemas de segurança que teve há dias, ficando retido. Ora, se o armador e a inspeção em Portugal consideraram o barco apto para iniciar outra vez os cruzeiros, e no estrangeiro não passou na inspeção, é caso para duvidar da segurança do “novo” Funchal. Uma pena não ser um barco de cruzeiros grande e mais seguro a fazer esses cruzeiros aos Açores. Isto é como as senhoras de idade, que mesmo com botox e pele tratada, não deixam de ter o seu reumático, artroses e afins. Há que saber aceitar que o Funchal já foi outrora um belo barco, mas agora a sua idade pode pôr em causa a segurança dos passageiros. É a minha opinião, espero não ser mal interpretada.