fbpx
Notícias

Porto de Lisboa bate recorde

A crise deixou a marca no movimento de cruzeiros no Porto de Lisboa, com a queda do número de passageiros em trânsito, mas 2009 vai mesmo assim ser ano recorde em passageiros de cruzeiros na capital portuguesa, porque foi o ano da “explosão” dos cruzeiristas a começarem e/ou acabarem as viagens na capital portuguesa, que no final de Novembro já tinham superado o anterior máximo absoluto, que datava de 2000.

Os dados da APL – Administração do Porto de Lisboa para os onze meses de Janeiro a Novembro indicam que o porto de Lisboa recebeu neste período 285 escalas de navios e o movimento de passageiros elevou-se a 397.894.
Em escalas de navios, Lisboa não atingirá este ano as 308 do ano passado, tanto mais que a previsão de chegada de navios este mês de Dezembro indica dez escalas, ou seja, inclusivamente menos três que no ano passado.

Mas em número de passageiros, a perspectiva é mesmo um novo recorde, uma vez que o movimento nos primeiros onze meses está apenas a 9,6 mil do total de 2008 (407.508), e não se antecipa uma queda a pique do número de passageiros (seria necessária uma queda na ordem dos 60%) em Dezembro, tanto mais quando estão anunciadas escalas de navios de grande porte, como o Queen Victoria, da Cunard (tem agendadas duas escalas a Lisboa em Dezembro, com um total de 4,3 mil passageiros de capacidade total), e o Costa Serena, da Costa Cruzeiros, que transporta três mil passageiros.

Leia também  Já são conhecidos os Cruise Critic Editors' Picks Awards 2023 (veja a lista completa de premiados)

Os dados da APL mostram que não é, no entanto, pelos passageiros que visitam Lisboa em escalas dos navios que incluem Lisboa nas suas rotas que a capital portuguesa atingirá este ano um novo recorde de passageiros de cruzeiros.

O “fenómeno” este ano foi o crescimento do chamado tráfego em turnaround, que inclui os passageiros que iniciam (embarques) e/ou terminam (desembarques) cruzeiros em Lisboa, que no final de Novembro tem um aumento médio de 130,7% ou 45 mil passageiros, para 79.524.

O anterior máximo de passageiros em turnaround era de 77.669, no ano 2000, e desde então o máximo que Lisboa tinha conseguido em passageiros em turnaround era ficar acima dos 40 mil, como aconteceu em 2001 (45.043), em 2003 (44.992), 2005 (44.093) e 2006 (40.906).

Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!