MSC Cruzeiros

MSC Foundation dá início ao seu Programa Super Coral com objetivo de restaurar os recifes de corais em Ocean Cay

A MSC Foundation assinou acordos com a Escola de Ciências Marinhas e Atmosféricas da Universidade de Miami Rosenstiel e com a Universidade Nova Southeastern (na Flórida) finalizando os termos do programa para o estágio de graduação que irão apoiar a pesquisa do seu Programa Super Coral e as atividades de desenvolvimento em 2021, utilizando uma abordagem combinada (virtual e presencial, na Ocean Cay, nas Bahamas).

Isto marca o início da fase de implementação do programa inovador que a MSC Foundation concebeu em conjunto com um grupo de especialistas como sendo a sua própria resposta urgente perante a emergência dos recifes de corais que se aproximam cada vez mais iminente da extinção devido às alterações climáticas e à poluição.

Pierfrancesco Vago, Presidente do Comité Executivo da MSC Foundation do MSC Group, mencionou: “Esta parceria marca um passo importante no nosso compromisso para implementar um programa de conservação marinha para reverter o declínio acentuado dos recifes de corais em todo o mundo, que ameaça um quarto de toda a vida marinha. O oceano está no nosso ADN, e, é por isso que o Programa Super Coral é mais do que uma iniciativa local para proteger e restaurar os recifes de corais em torno da Ocean Cay e da Flórida. Foi projectado para criar uma experiência única no estudo e prática da resiliência de corais, desenvolvendo um modelo que pode ser replicado com sucesso em todo o mundo.”

Os recifes de corais estão entre os ecossistemas mais diversificados do mundo, servem de alimento e como recurso económico para meio bilião de pessoas e protegem as comunidades costeiras de tempestades e da erosão. De acordo com o Painel Inter-governamental sobre Alterações Climáticas da ONU, os cientistas prevêem que 70-90% dos recifes de corais estejam em risco de morte nas próximas duas décadas (2030-2050).

Corais em Ocean Cay

David Smith, Professor de Biologia Marinha na Universidade de Essex e Assessor Chefe Científico do Comité de Assessoria da MSC Foundation para o Programa Super Coral, realçou: “Somos constantemente bombardeados com avisos sobre o desaparecimento dos recifes de corais por todo o mundo, e, deste modo, é absolutamente verdade que estes estão a ser destruídos. Existe uma necessidade urgente de agir para impedir que mais danos sejam causados e de uma aceleração de esforços para encontrar soluções para reverter a tendência global de perda de recifes. Não existem muitos casos em que possamos afirmar que existe uma oportunidade real para efetuarmos precisamente isto, então aqui temos uma derradeira janela de oportunidade. Iniciar projetos colaborativos em grande escala que procurem aprovisionar soluções reais agora, representam a nossa melhor oportunidade para assegurar um futuro para os recifes de corais e o sustento de milhões de pessoas que deles dependem”.

O programa visa pesquisar, desenvolver, testar e aperfeiçoar métodos para reverter o declínio dos recifes de corais na reserva marinha de 64 milhas quadradas em torno da Ocean Cay, sendo pioneira na reconstrução de recifes de corais danificados com espécies de corais que são mais resistentes a ameaças ambientais como a poluição e o aquecimento do oceano. Estes estudos são o trabalho no qual os cientistas da Universidade de Miami Rosenstiel School e da Nova Southeastern University estarão diretamente envolvidos.

O MSC Super Coral Program procura ajudar a restaurar os recifes de corais nas Bahamas para um estado saudável através da seleção ativa de genótipos resistentes às alterações climáticas e do aumento da propagação sexual destes genótipos”, explicou Chris Langdon, professor do Departamento de Biologia Marinha e Ecologia na Escola de Ciências Marinhas e Atmosféricas da Universidade de Miami Rosenstiel.

Leia também  Itinerários da Semana: As opções para Cruzeiros nos Emirados este Inverno (Costa e MSC)

De um modo geral, a primeira fase da implementação deste Programa abrange:

  • A compilação de duas revisões literárias sobre a restauração de recifes de corais, uma focada na restauração funcional e métodos de conservação de corais nas Caraíbas, e a outra em espécies que são resistentes e/ou resilientes às condições subaquáticas e alterações de temperatura.
  • O desenvolvimento de materiais de sensibilização para os hóspedes na Ocean Cay e para o público em geral sobre a emergência que os recifes de coral enfrentam, a sua importância e como agir para protege-los a nível individual e colectivo.
  • A construção da primeira fase do Super Coral Center (BioLab) na Ocean Cay, que inclui as áreas de laboratório e viveiro de corais.

Os alunos de MS em Biologia Marinha da Universidade Nova Southeastern têm uma excelente oportunidade de estágios para pesquisa na Ocean Cay, nas Bahamas, financiados pela MSC Foundation”, mencionou Joana Figueiredo, Doutorada na Nova Southeastern University. “Estes ajudarão a estabelecer um viveiro de corais para propagação de corais, no estudo da vida marinha na reserva marinha em redor da ilha e na interacção com os visitantes de modo a informá-los sobre a proteção dos recifes de corais.”

Os objetivos do Programa Super Coral são

  • Restaurar os recifes de corais em redor da Ocean Cay para que se tornem mais resistentes às alterações ambientais.
  • Ser pioneiro no uso de espécies e variedades resistentes de Super Coral para aumentar a resiliência dos recifes.
  • Desenvolver e partilhar um modelo replicável escalável para favorecer a compreensão científica e promover a recuperação marinha e de corais por todo o mundo.
  • Promover a sensibilização e ação públicas no apoio à conservação marinha e restauração de recifes de coral.
  • Prazo do programa: 2019-2024

Sobre o Programa Super Coral na Ocean Cay

O principal programa de conservação marinha da MSC Foundation concentra-se nas águas em redor da Ocean Cay, nas Bahamas, a 65 milhas a leste de Miami. Antigamente um local de escavação de areia industrial, a Ocean Cay foi transformada pela MSC Cruzeiros – a sua operadora – numa ilha privada rodeada por águas azuis cristalinas que acolhem importantes espécies marinhas e habitats de coral agora ameaçados pela degradação do oceano.

A MSC Foundation está a trabalhar em colaboração com uma equipa de cientistas e especialistas ambientais para identificar espécies resistentes e genótipos de coral, coloquialmente apelidados de “Super Coral”, que tenham sobrevivido a recentes eventos de calor extremo do oceano e a outros impactos nas águas ao redor da ilha. A Fundação tem como objetivo restaurar a abundância e diversidade dos corais ao redor da ilha, ao propagar e plantar espécies e genótipos de corais termicamente tolerantes. Com o tempo, estes locais regenerados apoiarão uma funcionalidade ecológica forte e resiliente e fornecerão uma tábua de salvação para os recifes de corais na região, ajudando a garantir a sua futura sobrevivência.

Add Comment

Click here to post a comment

Leave a Reply

Solicite um Orçamento

Fácil e rápido. Preencha as seguintes informações e eu envio-lhe as melhores sugestões de preços e itinerários:

    Entendo que serei contactado por um Agente de Viagens, parceiro do Blog dos Cruzeiros, sobre este pedido.