fbpx
MSC Cruzeiros Notícias

MSC Cruzeiros vai apostar em Angola e Moçambique

A MSC Cruzeiros pretende contribuir para o aumento do sector dos cruzeiros em Angola e Moçambique, considerando a possibilidade de apostar nos itinerários com saídas e chegadas a Luanda e Maputo nos próximos anos, pondo assim ao dispor dos passageiros africanos a sua distinta experiência de cruzeiro mediterrânica.

Tendo em conta que o turismo de cruzeiros é um dos segmentos turísticos de maior crescimento a nível mundial, Eduardo Cabrita, Director Geral da MSC Cruzeiros em Portugal afirma que: “Estamos disponíveis para reunirmos com empresas ou consórcios de Angola e Moçambique que queiram potenciar o sector dos cruzeiros através do fretamento dos navios MSC Cruzeiros que se vão posicionar no Sul de África, de forma a efectuar uma temporada com itinerários com saída e chegada a Luanda, e com saída e chegada a Maputo, dentro do período compreendido entre Novembro e Maio, nos próximos três anos”.

Apesar de não ter cruzeiros com partidas e chegadas aos portos destes países, a MSC Cruzeiros posiciona todos os anos um dos seus navios no Sul do Continente Africano, fazendo escalas em Cape Town, Walvis Bay e Durban, na África do Sul, e ainda em Maputo.

“Este Inverno teremos disponíveis 34 cruzeiros no Sul do Continente a bordo do MSC Sinfonia, um dos nossos navios recentemente renovados com capacidade para 2.600 passageiros, e acreditamos que Angola e Moçambique poderão também ser um bom mercado para nós”, conclui Eduardo Cabrita.

A MSC Cruzeiros é uma jovem e ambiciosa companhia, que cresceu 800% nos seus primeiros dez anos e tornou-se na quarta maior companhia de cruzeiros da indústria e maior companhia privada de cruzeiros do mundo sendo anunciada recentemente como líder de mercado na Europa, tendo transportado 1.67 milhões de passageiros em 2014.

Leia também  Porto de Lisboa marca presença na maior feira internacional de cruzeiros

Entre outros, a companhia tem como objectivo principal duplicar a sua capacidade de frota até 2022, através de um plano de investimento de €5.1 mil milhões lançado o ano passado, que inclui a construção de sete novos navios em dois novos protótipos de última geração –  a Classe Seaside e a Classe Meraviglia.

O primeiro dos novos navios de última geração, o MSC Meraviglia, será entregue em Maio de 2017 e a partir de Junho desse mesmo ano navegará pelo Mediterrâneo com partidas de Barcelona, Génova e Marselha. O MSC Meraviglia será o maior e mais inovador navio de cruzeiro alguma vez construído por uma companhia de cruzeiros mundial sediada na Europa– a STX France-, tendo a capacidade de transportar 5.700 passageiros, apresentando-se como um dos navios mais amigos do ambiente e seguros na indústria, bem como um dos mais avançados tecnologicamente.

O segundo navio da próxima geração, chamar-se-á MSC Seaside – O navio que segue o Sol, e estará  a navegar pelas Caraíbas ao longo de todo o ano, a partir de Dezembro de 2017. Com capacidade para acomodar mais de 5.179 passageiros, o inovador e ultramoderno MSC Seaside será o maior navio de cruzeiro já alguma vez construído pela Fincantieri e um dos navios mais avançados tecnologicamente no mercado. O navio será ainda caracterizado pelo mais interactivo e original parque aquático concebido no mar com cinco escorregas e atracções para todas as idades.

Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!