Notícias

Sector dos cruzeiros continua a crescer apesar da crise

A crise económica está instalada em praticamente todo o mundo, porém esta não está a afectar o sector dos cruzeiros e pelo contrário, este tem muito para crescer nos próximos anos.

Apesar do sector representar apenas dois por cento no turismo global, este é um dos sectores que mais tem para crescer nos próximos anos, ao contrário do esperado já que a crise económica está instalada em praticamente todo o mundo e não existem melhorias visíveis.

Este sector tem vindo a ser democratizado nos últimos anos, se antes os cruzeiros estavam apenas segmentados para o segmento de luxo, hoje em dia qualquer pessoa da classe média tem a capacidade por optar por uma destas opções de férias de grande qualidade.

Nos dias de hoje os cruzeiros atraem um total de 20 milhões de passageiros a nível mundial, sendo que desses 12,6 milhões são oriundos do mercado norte-americano e 5,6 milhões da Europa. Se antes havia menos navios e predominavam essencialmente nas Caraíbas e nas Voltas ao Mundo, com custos elevados, hoje em dia existem muito mais navios, com melhores condições e que oferecem viagens a cerca de 500€ por semana, um valor muito bom tendo em conta a relação preço/qualidade deste tipo de férias.

Os cruzeiros oferecem refeições incluídas, actividades e entretenimento a bordo, viagens para vários destinos ao mesmo tempo e por isso transformaram-se nos últimos anos como uma das melhores soluções de férias que os turistas podem encontrar nos dias de hoje. Assim, apesar da crise estar instalada, os turistas continuam a procurar as melhores alternativas do mercado e essas estão essencialmente no sector dos cruzeiros.

Leia também  As fotos do Oasis of the Seas a chegar à mítica cidade de Nova Iorque

Add Comment

Click here to post a comment

Leave a Reply