Loja de Cruzeiros
Costa Cruzeiros

Costa Smeralda anuncia museu de design a bordo e nova categoria de cabines

Costa Smeralda

Homenagem ao design inovador da Itália, o Costa Smeralda, novo flagship da Costa Cruzeiros que inicia operação em outubro próximo, ganha uma atração inédita: o museu Costa Design Collection (CoDe).

O hóspede terá a oportunidade de admirar a excelência do design italiano nas áreas da moda, transporte e cinema em itens que contam a história de produtos de origem italiana e que representam o conceito “italy´s finest”, o melhor da Itália em navegação.

Com curadoria do arquiteto e designer milanês Matteo Vercelloni, o museu ocupa 400 metros quadrados da área central do Costa Smeralda, e reúne a criatividade e a influência global de objetos e móveis clássicos italianos ao longo das últimas décadas – de 1930 até a atualidade. O CoDe é um autorretrato da sociedade italiana.

O Costa Smeralda é uma homenagem à Itália e aos atributos que tornam o nosso país apreciado no mundo todo. O design é definitivamente um deles. Estamos orgulhosos em ter um verdadeiro museu de design italiano a bordo do Costa Smeralda”, ressalta Neil Palomba, presidente da Costa Cruzeiros.

A cultura e o estilo italianos também estão representados nas áreas internas, nas cabines e nas suítes do Costa Smeralda. Sob a coordenação de quatro escritórios de arquitetura internacionais: Jeffrey Beers International, Partner Ship Design, Rockwell Group e Dordoni Architetti, os ambientes foram desenvolvidos a partir da história e da tradição da marca Costa.

Os decks e as áreas públicas do transatlântico são identificados com nomes de conhecidos destinos italianos. Enquanto o deck 4 recebe o nome Palermo; o deck 17, o mais alto, é o Bellagio. Há ainda os decks Capri, Roma, Veneza, Florença e Milão.

As cabines do Costa Smeralda combinam o que há de mais bonito e sofisticado na cultura italiana. Painéis fotográficos captam o espírito das cidades italianas, harmonizando com as cores, as texturas e o padrão gráfico que decoram as cabines e suítes, proporcionando um espaço homogêneo, acolhedor, contemporâneo e relaxante. Os banheiros, por sua vez, ganham um revestimento similar ao mármore e contam com janelas que garantem a entrada de luz.

Leia também  Costa App: Aplicação da Costa Cruzeiros vence prémio de publicidade em Itália

O Costa Smeralda inaugura ainda uma nova categoria de cabines, com terraços sobre o mar. Neste tipo de quarto, haverá um anexo para o hóspede tomar um café da manhã, um aperitivo ou simplesmente apreciar o som das ondas do mar em um terraço privativo. Como parte da iniciativa da Costa de criar uma autêntica experiência de design “Made in Italy”, os móveis, a iluminação, os tecidos e os acessórios foram selecionados em colaboração com os principais fabricantes da Itália. São, ao todo, 2.612 cabines, sendo 28 suítes, 106 cabines com terraço, 1.522 cabines com varanda, 168 cabines externas e 788 cabines internas.

O Costa Smeralda é o primeiro navio do mundo de bandeira italiana movido a Gás Natural Liquefeito (GNL). O cruzeiro vernissage parte no dia 20 de outubro deste ano de Hamburgo, na Alemanha, com destino a Savona, na costa italiana. O cruzeiro terá duração de 15 dias e dois dias de escalas nas cidades Roterdão, Lisboa, Barcelona e Marselha.

Já no dia 4 de novembro de 2019, o flagship inicia oficialmente suas atividades em um cruzeiro de seis dias, com embarque em Savona e escalas em Barcelona, Marselha e Civitavecchia. O Costa Smeralda navega pelo Mediterrâneo Ocidental até abril de 2020 em roteiros de uma semana, com escalas em Savona, Marselha, Barcelona, Palma de Maiorca, Civitavecchia e La Spezia.

Consulte aqui todos os itinerários do Costa Smeralda na Europa

 

Booking.com

Nuno Ribeiro

Olá, o meu nome é Nuno Ribeiro e sou fundador do Blog dos Cruzeiros, um blog sobre o mundo dos grandes cruzeiros, onde pode encontrar notícias, opiniões, sugestões, guias, companhias, navios e muito mais.

Sempre que subo a bordo de um navio descrevo toda a experiência aqui para que possa ajudar quem pretende fazer um cruzeiro. Boas leituras!

Pub