fbpx
Carnival Notícias

Carnival ajuda China a construir o seu primeiro navio de cruzeiro

A companhia Carnival concordou em ajudar a China a construir o seu primeiro navio de cruzeiro, face à procura que tem vindo a surgir nos últimos meses, levando assim a que o país se mantenha no caminho certo para se poder tornar o segundo maior mercado para a indústria de cruzeiros nos próximos 3 anos.

A companhia vai assinar um memorando de entendimento com a China State Shipbuilding Corp, de forma a conseguirem acelerar o desenvolvimento e crescimento da indústria, podendo até haver uma terceira parte incluída, um terceiro investimento, o maior construtor de navios de cruzeiros, os estaleiros de Fincantieri.

Apesar de existirem cada vez mais companhias a tentar atrair mais turistas para a Ásia, nomeadamente para a China, seria extremamente importante que esta entrasse directamente no mercado da construção, pois o negócio da construção naval é um dos mais importantes e com maior valor comercial.

De acordo com o comunicado apresentado, a Carnival irá fornecer ajuda com a sua própria experiência na construção e design de navios de cruzeiro, contudo ainda não existe uma declaração oficial sobre quando esta parceria poderá ser formada.

Segundo a World Travel Market e Euromonitor International, com as alterações feitas na região e o contínuo interesse das companhias, a China está praticamente pronta para se tornar o segundo maior mercado de cruzeiros, depois dos Estados Unidos, já em 2017.

Leia também  2023 foi um ano de recordes da atividade de cruzeiros no Porto de Lisboa
Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!