fbpx
Costa Cruzeiros Notícias

Capitão do Costa Concordia é libertado da prisão domiciliária

As notícias sobre o Costa Concordia não deixam de aparecer, ora são referentes à caixa negra do navio, ora às manobras de remoção ou, como é o caso, referentes aos responsáveis sobre todo o incidente, nomeadamente aquele que durante muito tempo foi acusado como o principal culpado do acidente a 13 de Janeiro de 2012 com o Costa Concordia.

A primeira entrevista de Schettino, depois de ser libertado da sua prisão domiciliária em que se encontrava, já aconteceu e surpreendeu muitas pessoas pelas declarações apresentadas. A entrevista foi feita na sua própria casa, em Meta di Sorrento, onde Schettino pede perdão a todos os afectados pelos incidente mas salienta que defende todas as decisões que tomou naquela noite, incluindo a de não dar ordem de evacuação do navio depois da situação estar instalada. Afirma ainda que nunca tinha imaginado que tal incidente pudesse acontecer, no entanto todas as decisões tiveram que ser tomadas com muita rapidez e são essas decisões que fazem um capitão de verdade.

O capitão do Costa Concordia desde cedo foi nomeado culpado de tudo o que aconteceu, recebendo assim acusações de 30 assassinatos, de naufrágio, abandono de pessoas deficientes e com necessidades especiais, abandono do navio e falta de comunicação às autoridades em questão. Por outro lado, fontes afirmam que esta primeira entrevista foi encenada pelo próprio e o seu advogado, recebendo uma avolumada quantia para prestar estas declarações, no entanto o próprio director do programa que procedeu à entrevista, Sottile Salvo, afirma que nada disso aconteceu, já que o canal não paga a ninguém para ser entrevistado.

Leia também  MSC Foundation esteve na Monaco Ocean Week para falar da conservação dos oceanos

Mais uma vez, Schettino afirmou e realçou que foi a sua vasta experiência e o seu faro aprimorado que fizeram com que a desgraça não fosse ainda maior, já que este previu a mudança do mar e reconheceu a importância de fazer uma pequena manobra, senão o impacto seria directamente com a popa e os resultados seriam extremamente mais graves.

Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!