Hurtigruten Notícias

Este navio foi construído em Portugal e agora vai fazer cruzeiros na Noruega

O Atlântida sofreu uma remodelação completa, depois de ter sido recusado pelo Governo Regional dos Açores, tornando-se agora um dos navios de cruzeiro da Hurtigruten, companhia norueguesa, começando a operar já em Maio deste ano.

O navio, com capacidade para receber 750 passageiros, foi construído por encomenda do Governo Regional dos Açores, com um investimento de 50 milhões de euros, no entanto este foi alvo de um processo polémico que demorou vários meses até estar resolvido. Depois de ter sido recusado pelos Açores por acharem que não cumpria as exigências no caderno de encargos, o navio acabou por ser vendido à Douro Azul, em Setembro de 2014, por 8,75 milhões de euros. Meses depois a empresa com sede no Porto vendeu-o à Hurtigruten por 17 milhões de euros.

Aquele que foi conhecido como Atlântida, chama-se agora MS Spitsbergen, e é um moderno navio de cruzeiro com  200 camas e capacidade para receber 320 passageiros. É descrito no mercado como moderno e amigo do ambiente, pelo que parece que vai fazer um enorme sucesso na Noruega, ao contrário do que aconteceu cá.

Espera-se saber mais detalhes dos itinerários que irá realizar a cargo da Hurtigruten.

Add Comment

Click here to post a comment

Deixar uma resposta

Nuno Ribeiro

Olá, o meu nome é Nuno Ribeiro e sou fundador do Blog dos Cruzeiros, um blog sobre o mundo dos grandes cruzeiros, onde pode encontrar notícias, opiniões, sugestões, guias, companhias, navios e muito mais.

Sempre que subo a bordo de um navio descrevo toda a experiência aqui para que possa ajudar quem pretende fazer um cruzeiro. Boas leituras!