fbpx
Notícias

Americanos são os que mais viajam em cruzeiros (mas o ritmo tem abrandado)

Apesar dos Estados Unidos serem detentores de 51% do total de passageiros de cruzeiros por todo o mundo, representando um total de 10,92 milhões de embarques no ano passado, o crescimento de passageiros nos EUA têm vindo a apresentar percentagens mínimas de crescimento nos últimos 4 anos.

Os dados divulgados pela CLIA (Associação Internacional das Companhias de Cruzeiro), mostram que no ano de 2010 o crescimento foi de 6,2%, já no ano seguinte o crescimento diminuiu para metade sensivelmente, 3,5%, enquanto que nos dois anos seguintes, em 2012 e 2013, os números são apenas de 2,2% e 0,3% respectivamente, mostrando assim que os valores têm vindo a diminuir ao longo dos anos.

Existem várias causas para este crescimento mínimo nos últimos anos, sendo que a principal é o facto desta indústria estar a tornar-se cada vez mais global, ou seja, quanto mais capacidade noutras regiões, mais interesse estas regiões têm para as companhias, apresentando novas tendências para os seus itinerários e as suas viagens, como é o caso da Austrália e Ásia por exemplo, que têm vindo a crescer bastante nos últimos anos.

Contudo, apesar do crescimento mínimo nos últimos anos, os Estados Unidos são ainda os líderes mundiais no que diz respeito aos passageiros de cruzeiros, com o pormenor de que o país consegue ainda superar os números apresentados pela soma de todos os restantes colocados no Top 10. Nas posições seguintes está o Reino Unido, com 1,75 milhões e a Alemanha, com 1,69 milhões, não esquecendo ainda na sétima posição o Brasil, com 732 mil passageiros.

Leia também  Dubai vai ter táxis voadores.... e entram já em serviço em 2026
Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!