Royal Caribbean

95% dos tripulantes da Royal Caribbean já foram repatriados

Vicki Freed, uma das executivas de topo da Royal Caribbean, disse aos agentes de viagens no seu webinar semanal, que entre as suas marcas corporativas, a Royal Caribbean repatriou 95% dos seus tripulantes até agora, e o número poderá chegar aos 97% durante o mês de Julho.

Freed confirmou que os quase 40.000 tripulantes viajaram para os seus países de origem através dos próprios navios do grupo Royal Caribbean ou via aérea em charters fretados pela empresa.

Nenhuma equipa foi deixada para trás“, disse Freed, no encontro com os agentes de viagens. “Estamos satisfeitos por eles terem passado algum tempo com a família até sabermos que estamos prontos para retomar o serviço novamente e podermos trazê-los de volta.”, finalizou.

Para levar os tripulantes para casa, a Royal Caribbean teve que superar obstáculos jurídicos e políticos significativos que os países criaram para impedir que tripulantes dos navios de cruzeiro regressassem para casa.

Países em todo o mundo, incluindo nos Estados Unidos, adicionaram novas regulamentações e restrições de viagem complexas para proteger os seus cidadãos em casa, ao mesmo tempo em que tornava extremamente difícil o regresso de cidadãos do estrangeiro simplesmente porque estavam num navio de cruzeiro.

Levar os membros da tripulação para casa tem sido um tópico controverso nos media, e a Royal Caribbean tornou uma prioridade para levar os membros da tripulação para casa.

O presidente da Royal Caribbean Cruises Ltd., Richard Fain, observou, nos resultados do primeiro trimestre da empresa, que o repatriamento de tripulação é sua primeira prioridade.

 

Add Comment

Click here to post a comment

Deixar uma resposta

Nuno Ribeiro

Olá, o meu nome é Nuno Ribeiro e sou fundador do Blog dos Cruzeiros, um blog sobre o mundo dos grandes cruzeiros, onde pode encontrar notícias, opiniões, sugestões, guias, companhias, navios e muito mais.

Sempre que subo a bordo de um navio descrevo toda a experiência aqui para que possa ajudar quem pretende fazer um cruzeiro. Boas leituras!