fbpx
Guias

10 Erros (caríssimos) que NÃO pode cometer no próximo Cruzeiro (mas que são comuns)

Posso apostar que já cometeram um ou mais erros deste artigo... e saiu-lhe muito caro! Mas agora já sabe, estes são erros QUE TEM MESMO que evitar!

Pois é….

Quem é que nunca foi surpreendido pelo inesperado?

As férias em cruzeiros são, certamente, uma experiência inesquecível, mas escolher bem requer planeamento cuidadoso e atenção a todos os detalhes.

Para garantir que a sua viagem pelos mares seja tranquila e maravilhosa, evite os seguintes erros comuns, cometidos por passageiros ao escolher um cruzeiro.

São erros que, aparentemente, acontecem com muita frequência, mas que podem trazer sérios danos à sua carteira, e até, arruinar por completo o seu cruzeiro de sonho.

Não deixe que isso aconteça!

Neste artigo vou listar aqueles que julgo serem os 10 erros mais comuns e como os pode evitar.

1) Viajar de avião no próprio dia do cruzeiro

É conveniente mas é arriscado

Embarcar num avião no mesmo dia do início do cruzeiro pode parecer conveniente (e é), mas é uma aposta bastante arriscada. Atrasos, cancelamentos e extravios de bagagem, são eventos imprevisíveis que podem resultar na perda do embarque no navio. E mais, a companhia de cruzeiros pode isentar-se de responsabilidade, caso os voos não tenham sido reservados por ela própria.

Conselho: Estude os voos para chegar, pelo menos, um dia antes do cruzeiro. Isso não apenas reduz o stresse relacionado com imprevistos de viagem e aeroportos, como também oferece a oportunidade de explorar a cidade de partida do seu cruzeiro. Pode sair mais caro, mas é melhor do que chegar depois do seu navio partir!

2) Não contratar um seguro específico para cruzeiros

Explorer of the Seas

Proteja-se financeiramente e medicamente! Ignorar a importância de um seguro específico para cruzeiros pode levar a despesas significativas em casos de emergências médicas a bordo ou cancelamento da viagem. Um seguro adequado oferece cobertura especializada para situações únicas em cruzeiros. Lembre-se que uma simples ida ao centro médico do navio pode-lhe custar, facilmente, várias centenas de euros.

Conselho: Antes de embarcar, assegure-se de ter um seguro de viagem que cubra despesas médicas a bordo, evacuações de emergência e cancelamentos de viagem. Proteja-se financeiramente e viaje com tranquilidade.

3) Esquecer-se de colocar o telemóvel em Modo Voo

Serenade of the Seas no Alasca

Evite custos indesejados com este erro tão comum. O roaming internacional pode-se tornar uma dor de cabeça financeira se não for gerido  corretamente. Esquecer-se de colocar o telefone em Modo Voo ao sair do porto pode resultar em taxas elevadas para chamadas, mensagens e, especialmente, uso de dados. Na União Europeia os custos com comunicações móveis são, agora, os mesmos que em Portugal. No entanto, quando o navio sai do porto, o mais certo é o sinal móvel ser fornecido por um satélite, com elevados custos associados.

✅ Para saber mais como utilizar o telemóvel a bordo consulte este guia.

Conselho: Certifique-se de ativar o Modo Voo ou desativar os dados móveis ao sair do porto. Considere utilizar serviços de comunicação a bordo para evitar custos inesperados contratando um pacote de internet.

4) Reservar sem ter em conta a companhia de cruzeiros

A Crystal é uma companhia de ultra-luxo

Cada companhia de cruzeiros oferece uma experiência única e destinada a determinado tipo de cruzeiristas. Reservar sem considerar as características específicas de uma companhia, pode resultar em insatisfação com a viagem.

Uma companhia de luxo como a Silversea ou a Explora Journeys, podem não ser a mais indicada se viajar com crianças. De outra forma, se escolher uma companhia popular, como a MSC Cruzeiros ou Royal Caribbean, podem não ser adequadas se pretender um ambiente relaxado e um serviço de luxo.

✅ Saiba mais como escolher a companhia de cruzeiros certa neste guia.

Conselho: Pesquise e compare as companhias de cruzeiro, levando em consideração as suas preferências, orçamento e estilo de viagem. Leia avaliações de outros passageiros para obter informações valiosas.

5) Arriscar chegar em cima da hora nos portos de escala

Costa Fascinosa no Porto de Leixões

Chegar tarde nos portos de escala pode resultar na perda de excursões programadas e até mesmo do embarque de volta ao navio. Respeitar os horários é crucial para aproveitar ao máximo cada escala. Tenha sempre em atenção (e anote) o horário de regresso ao navio. Considere sempre 1 hora de margem para o regresso ao navio, isto para precaver, contra-tempos inesperados, como por exemplo, filas de trânsito ou outros atrasos.

Conselho: Caso saia por conta própria, chegue com algum tempo de antecedência das atividades planeadas, levando em consideração possíveis atrasos. Respeite os horários de embarque para garantir uma experiência completa. Reservar excursões pela companhia também poderá ser uma boa opção, já que estas excursões estão protegidas de atrasos excecionais.

6) Ignorar as Políticas de Reembolso e Cancelamento

Norwegian Jade em Barcelona

Ignorar as políticas de reembolso e cancelamento da companhia de cruzeiros pode resultar em custos significativos, em caso de imprevistos que o impeçam de realizar a viagem. Os cruzeiros normalmente são reservados com bastante antecedência, pelo que muito pode acontecer até ao dia da viagem.

Conselho: Antes de fazer a reserva, leia cuidadosamente as políticas de reembolso e cancelamento da companhia de cruzeiros. Considere a possibilidade de contratar um seguro de cancelamento para proteger o seu investimento em caso de alguma emergência.

7) Não Verificar Requisitos de Vistos e Documentação

Nunca saia sem confirmar os seus documentos

Esquecer-se de verificar os requisitos de vistos e a documentação necessária para cada destino, pode resultar em contratempos sérios. Alguns destinos podem exigir vistos específicos ou documentos de imigração, e a falta deles pode resultar na recusa de entrada. E as companhias não se responsabilizam caso não apresente estes documentos.

Conselho: Antes de reservar o seu cruzeiro, pesquise os requisitos de visto para cada destino que será visitado. Certifique-se de ter todos os documentos necessários, como passaporte válido, validade, vistos e autorizações, para evitar problemas na imigração. Este é um passo fundamental para uma experiência livre de complicações.

8) Desconsiderar a Temporada e o Clima

Foto: Odd Roar Lange/NTB Scanpix/Reuters

Ignorar a temporada e as condições climatéricas do destino do cruzeiro pode afetar significativamente a sua experiência. Alguns destinos podem ter estações chuvosas, furacões ou temperaturas extremas em determinadas épocas do ano. Países como a Noruega ou até o Alasca, podem ter temperaturas amenas e calor, enquanto se subir às montanhas ou a glaciares as temperaturas podem cair para valores negativos.

Por exemplo, se pretender ver as Auroras Boreais no Hemisfério norte, nunca poderá fazer um cruzeiro no Verão! Por outro lado, cruzeiros no Médio Oriente é impensável fazê-los em Agosto, dadas as altas temperaturas que se fazem sentir na região. Em todo o caso, as companhias de cruzeiro conseguem, com alto grau de certeza, prever a evolução de condições climatéricas adversas com antecedência, ajustando a sua rota em conformidade, de modo a que todos os passageiros tenham um agradável navegação.

Conselho: Antes de tomar uma decisão final, pesquise sobre as condições climatéricas e a melhor época para visitar cada destino do seu itinerário. Escolher a temporada adequada garantirá que desfruta de condições climatéricas ideais e evite possíveis contratempos meteorológicos.

9) Desconhecer as Políticas de Gratificações e Taxas Adicionais

Holland America Line
Holland America Line

Ignorar as políticas de gratificações obrigatória e taxas adicionais a bordo pode resultar em surpresas desagradáveis no final da viagem. Algumas companhias de cruzeiro têm políticas específicas sobre gratificações para a tripulação, e há serviços e atividades a bordo que podem incorrer em taxas extras. Muitas companhias vão adicionando taxas diárias de gratificações na sua conta pessoal, para depois liquidar tudo no final do cruzeiro.

Por outro lado, existem serviços a bordo que têm taxas adicionais. Restaurantes da especialidade, uso de spa e tratamentos de beleza ou excursões, são exemplos de serviços que não estão incluídos na generalidade das companhias.

Conselho: Antes de embarcar, informe-se sobre as políticas de gratificações da companhia e quaisquer taxas adicionais associadas a serviços ou atividades específicas a bordo. Isso permitirá projetar o seu orçamento de forma adequada e evitar custos inesperados.

10) Subestimar as Necessidades Médicas e de Saúde

Centro Médico

Não considerar suas necessidades médicas e de saúde durante o cruzeiro pode resultar em desconforto e preocupações. Algumas pessoas podem esquecer de levar medicamentos necessários, subestimar o impacto do movimento do navio com condições médicas pré-existentes ou não estar cientes dos serviços médicos disponíveis a bordo.

✅ Saiba mais sobre saúde a bordo de um navio de cruzeiros com este guia.

Conselho: Antes de embarcar, certifique-se de levar consigo todos os medicamentos necessários. Conheça os serviços médicos oferecidos a bordo e esteja ciente das políticas relacionadas com questões de saúde. Informe a tripulação sobre condições médicas especiais, se necessário.

Conclusão

Portanto, agora já sabe que estes erros são todos evitáveis! Podem acrescentar um peso suplementar ao seu orçamento, é certo, mas será muito menor que os potenciais custos que terá, caso alguma destas situações inesperadas aconteça!

Esteja prevenido!

Como leitura recomendada e complementar consulte estas dicas essenciais para quem vai fazer um cruzeiro pela primeira vez!

Só me falta desejar um ótimo cruzeiro!

Tags
Share this

Novo Cruzeiro de Grupo: Ilhas Gregas a bordo do Celebrity Infinity!